Sorteio

segunda-feira, 14 de outubro de 2019

A nossa conversão é o grande sinal da presença de Deus

“No dia do julgamento, os ninivitas se levantarão juntamente com esta geração e a condenarão. Porque eles se converteram quando ouviram a pregação de Jonas. E aqui está quem é maior do que Jonas” (Lc 11,32).
É Jesus quem está dizendo a nós que precisamos, de verdade, nos converter. Não podemos ser aquelas pessoas que buscam apenas sinais na religião, porque, o grande sinal da presença de Deus no meio de nós é a nossa conversão. 
Há aqueles que buscam na religião: os milagres, as curas, as bênçãos e, tudo isso, é mais do que necessário, mas o grande milagre, a grande cura, a grande bênção é a nossa conversão. 
A conversão é, acima de tudo, ouvir a Jesus e deixar mudar a minha mentalidade, a minha cabeça e o meu comportamento
Como precisamos nos converter a cada dia! Porque, se nós ouvimos Jesus nos falar e não damos atenção a Ele, então, nós não nos convertemos, nós não mudamos de vida, a nossa vida continua sempre a mesma coisa e nós não estamos nos santificando. A missão da Palavra de Deus em nossa vida é a de nos santificar a cada dia.
Muitos ouviram Jesus falar e não se converteram. Eles, na verdade, buscavam sinais do Reino dos Céus, e Jesus mesmo diz: “Não será dado outro sinal, a não ser o sinal de Jonas”. 
E qual foi o sinal de Jonas senão ele pregando, anunciando; e, o povo, se convertendo e fazendo penitência do seu pecado? Então, aqui, tem dois elementos importantes para nós. O primeiro é fazer penitência, ou seja, nos penitenciarmos pelo mal que fizermos; nos reconciliarmos com Deus de modo que deixemos de fazer aquilo que não convém a um filho de Deus.   
O segundo é a conversão. Ela é um processo interior que passa, inclusive, pela nossa mente, e nos leva a aceitar, a nos abrir e a absorver a graça de Deus que nos é dada, pois, com mente fechada ninguém se converte, porque, conversão é uma metanoia, é uma mudança de cabeça, de mentalidade:“Eu penso assim, mas preciso saber como é que Deus pensa”. “Eu até agora acreditei assim, mas preciso saber como é que Deus me ensina”.
Por isso, a conversão é, acima de tudo, ouvir a Jesus e deixar mudar a minha mentalidade, a minha cabeça e o meu comportamento. Porque eu ouvi a pregação d’Ele e ela“pregou” em mim, apregoou na minha vida uma nova forma de pensar: “não posso me conformar com este mundo, mas eu preciso ter a mente e a mentalidade de Jesus”.          
Deus abençoe você!
Padre Roger Araújo
Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário