Sorteio

sexta-feira, 24 de maio de 2019

Na presença do Espírito Santo, redescobrimos o amor

Jesus está infundindo em nós o Seu Espírito, e o Espírito que Deus nos dá é de amor. Eu sei que todos nós desejamos, ansiamos que o Espírito de Deus venha sobre nós, então, clamamos e suplicamos: “Vem, Espírito!”. No entanto, o Espírito Santo não é somente um dom carismático, não é somente a oratória que temos, que falamos e rezamos, até fazemos fogo descer do céu.
O Espírito a que nos referimos é o Espírito de amor, esse Fogo Abrasador que incendeia o nosso coração para amarmos uns aos outros. Eu sei que uma pessoa é cheia do Espírito não quando ela fala muitas palavras bonitas, não quando ela cura muitos aqui e acolá. O Espírito é dom, é graça, e Ele se deixa exalar em nossa vida quando nos amamos.
A marca do Espírito em nós se chama amor, porque, humanamente, não conseguimos nos amar, vivemos aquele amor seletivo, amor de interesse, aquele amor que nos dá retorno. Esse é amor humano, e até os animais conseguem viver, cada um no seu grupo. Mas não é desse amor, é o amor evangélico, de amarmos uns aos outros na igreja, na sociedade, na comunidade, no trabalho, na própria vivência cristã.
Só o Espírito agindo em nós nos leva a amar quem nos fez mal, quem nos prejudicou
Só conseguimos ter o Espírito do Senhor em nós quando damos testemunho do amor. Só o Espírito agindo em nós nos leva a amar quem nos fez mal, a quem nos prejudicou, a amar quem não conseguimos nos relacionar muito bem, com quem temos divergências e as ideias não batem. É só no Espírito que conseguimos amá-las. Por isso, quando estamos clamando pelo Espírito de Deus em nós, não podemos nos refugiar em coisas acidentais que acabam sendo para esconder o essencial.
O essencial da vida cristã é a vivência do amor. Estamos exaltando outras coisas, muitas vezes, até guerras, disputas, dogmatismos, verdades relativas. Estamos, muitas vezes, criticando aqui e acolá, mas não estamos vivendo o essencial, que é nos amarmos uns aos outros a ponto de darmos a vida como Jesus, que entregou Sua vida por amor a nós.
Amar é dar-se e doar-se. Quando damos, muitas vezes, perdemos para que o outro seja. Precisamos redescobrir, no Espírito, o amor para não perdermos a essência de discípulos e seguidores de Jesus.
Deus abençoe você!
Padre Roger Araújo
Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook



Nenhum comentário:

Postar um comentário