Sorteio

quinta-feira, 30 de janeiro de 2020

A mesma medida com que medirdes, também vós sereis medidos

“Prestai atenção no que ouvis: com a mesma medida com que medirdes, também vós sereis medidos; e vos será dado ainda mais” (Mc 4,24)
A verdade, meus irmãos e minhas irmãs, é que nós usamos uma medida muito dura uns para com os outros. Nós medimos o outro com uma régua muito extensa, somos exigentes, somos cada vez mais duros.
Nós, muitas vezes, não temos paciência com o limite do outro, com o erro dele. Por isso, facilmente, julgamos, condenamos, descartamos a pessoa do outro, agimos sem paciência, sem misericórdia, sem ternura e compaixão; e o mais duro é que, facilmente, nós julgamos e condenamos.
A nossa medida é a medida do mundo, e a medida do mundo não é justa, mas é justiceira, ou seja, aquela que nasce do egoísta do coração humano, do orgulho, do sentimento humano, que quer ser duro demais com os outros e complacente consigo mesmo. E assim nós estamos fazendo, o pecado dos outros nós condenamos, rechaçamos, espalhamos aos quatro ventos; ao nosso pecado, fazemos vistas grossas, damos uma dimensão menor, chamamos de fraqueza, e aí vamos vivendo a injusta medida, que é a medida do mundo.

A medida com que nós medimos os outros é com essa que Deus vai nos medir

Jesus está nos dizendo o que não podemos nos esquecer: com a medida que nós medirmos os outros é com essa medida que Deus vai nos medir. É essa a justiça de Deus. Como é que você cuidou? Como é que você julgou? Como é que você viu seus irmãos durante toda a sua vida? Sobre ter paciência, sobre agir com misericórdia, sobre ter compaixão, sobre ter um coração complacente, sobre tratar como você gostaria de ser tratado se estivesse em igual situação ou condição.
A verdade é que nós nunca sabemos nos colocar no lugar do outro, pois sempre nos colocamos ou olhamos a partir de nós, das coisas e situações que são a nossa maneira de julgar as realidades. Por isso, peçamos, hoje, pela força da Palavra de Deus, que Ele nos conceda a justa medida para sabermos medir uns aos outros como Deus nos mede.
Deus abençoe você!

Padre Roger Araújo

Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário