Sorteio

quarta-feira, 11 de setembro de 2019

O Reino dos Céus pertence aos pobres


Bem-aventurados vós, os pobres, porque vosso é o Reino de Deus!” (Lucas 6,20).
O reino deste mundo pertence aos grandes, a quem tem poder e dinheiro. As pessoas estão brigando para fazerem parte do reino deste mundo, e as disputas são grandes em todos os lugares e em todos os campos. Há disputas para se sobressaírem sobre os outros, para serem mais importantes do que os outros, muitas vezes, pisando e massacrando as pessoas, deixando milhões de filhos de Deus na indigência, na pobreza e miséria.
Para onde se volta o olhar de Deus? Jesus está nos mostrando que primeiro é para os pobres. Bem-aventurados os pobres, porque o Reino de Deus pertence a eles.
O Reino de Deus pertence aos pobres deste mundo, porém, não façamos aquela visão de que se trata apenas de uma pobreza espiritual. Deus é o salário do pobre e do indigente, Ele é a graça que preenche o coração deles.
É verdade que, nós que temos algo a mais, algo para comer e temos alguma estabilidade na vida deveríamos ser a presença de Deus na vida dos pobres, porque eles são presença de Deus para nós.
Bem-aventurados os pobres, porque o Reino de Deus pertence a eles
Não dá para olhar para Deus, se não olharmos para os pobres e famintos. E, não podemos cair naquela espiritualidade medíocre de dizer: “Eu também sou pobre”, pois estou me referindo aos pobres entre os mais pobres. São os pobres amados por Santa Teresa de Calcutá, os pobres amados pela irmã Dulce, os pobres amados pela Igreja e por Jesus, os pobres que, muitas vezes, não têm o que comer nem vestir. Os pobres que choram têm onde rirem no Reino dos Céus, assim como Lázaro do Evangelho, que tinha como consolo somente os cachorros para lamber as suas feridas.
A nossa conversão passa por cuidar dos mais pobres. Esse “ai” vem de Jesus: “Ai de vós, ricos. Ai de vós que estais fartos. Ai de vós que rides”. O riso do mundo são as lágrimas dos olhos de Deus. As lágrimas dos olhos de Deus são as desigualdades que cercam o mundo onde nós estamos.
Se queremos ser cada vez mais de Deus, sejamos amigos dos pobres, dos sofredores, daqueles que não têm nada, pois têm somente as migalhas que caem de nossas mesas.
O Reino dos Céus pertence aos pobres; não podemos perder o Reino porque não cuidamos deles. 
Deus abençoe você!
Padre Roger Araújo
Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário