Sorteio

sábado, 6 de julho de 2019

Evangelho de hoje, domingo, 07/07/2019


Evangelho do dia - Lc 10,1-12.17-20
Naquele tempo, 1o Senhor escolheu outros setenta e dois discípulos e os enviou dois a dois, na sua frente, a toda cidade e lugar aonde ele próprio devia ir. 2E dizia-lhes: “A messe é grande, mas os trabalhadores são poucos. Por isso, pedi ao dono da messe que mande trabalhadores para a colheita. 3Eis que vos envio como cordeiros para o meio de lobos. 4Não leveis bolsa, nem sacola, nem sandálias, e não cumprimenteis ninguém pelo caminho! 5Em qualquer casa em que entrardes, dizei primeiro: ‘A paz esteja nesta casa!’ 6Se ali morar um amigo da paz, a vossa paz repousará sobre ele; se não, ela voltará para vós.
7Permanecei naquela mesma casa, comei e bebei do que tiverem, porque o trabalhador merece o seu salário. Não passeis de casa em casa. 8Quando entrardes numa cidade e fordes bem recebidos, comei do que vos servirem, 9curai os doentes que nela houver e dizei ao povo: ‘O Reino de Deus está próximo de vós’.
10Mas, quando entrardes numa cidade e não fordes bem recebidos, saindo pelas ruas, dizei: 11‘Até a poeira de vossa cidade, que se apegou aos nossos pés, sacudimos contra vós. No entanto, sabei que o Reino de Deus está próximo!’
12Eu vos digo que, naquele dia, Sodoma será tratada com menos rigor do que essa cidade”.
17Os setenta e dois voltaram muito contentes, dizendo: “Senhor, até os demônios nos obedeceram por causa do teu nome”. 18Jesus respondeu: “Eu vi Satanás cair do céu, como um relâmpago. 19Eu vos dei o poder de pisar em cima de cobras e escorpiões e sobre toda a força do inimigo. E nada vos poderá fazer mal. 20Contudo, não vos alegreis porque os espíritos vos obedecem. Antes, ficai alegres porque vossos nomes estão escritos no céu”.
— Palavra da Salvação.
— Glória a vós, Senhor.
Catequese Bíblico-Missionária
O fio condutor das leituras de hoje é um refrão que cantamos muitas vezes: “Por nós fez maravilhas, louvemos ao Senhor!” Este “por nós” tanto pode ser “para nós”, quanto “através de nós”. Na Primeira Leitura, o profeta Isaías canta a alegria dos exilados que retornam para Jerusalém. A ação de Deus transforma em júbilo qualquer luto. Haverá consolo para qualquer dor. O Salmo de Meditação, uma oração comunitária de ação de graças, canta as maravilhas que Deus realiza renovando para nós toda a criação. Quando Deus age, tudo canta e grita de alegria.
No Evangelho, Jesus louva as maravilhas feitas pelos setenta e dois discípulos que voltam da missão. O texto narra a escolha e o envio dos discípulos. Vale a pena notar que, ao enviar os missionários, Jesus se encontrava na Samaria. Lucas insinua assim que esses discípulos pertencem ao povo excluído e marginalizado. Os galileus são doze (cf. Lc 9,10). Já os samaritanos são setenta e dois (Lc 10,1). A Palavra cresce entre os excluídos!
Após o envio, Jesus se reúne com eles para rever o trabalho feito. Os discípulos começam a contar o que tinham feito. Com alegria informam que, usando o nome de Jesus, conseguiram grandes feitos, curando pessoas e expulsando demônios. Jesus os ajuda no discernimento. Se conseguiram tais feitos é porque ele, Jesus, tinha-lhes dado tal poder.
O discípulo não é maior que o Mestre. Se estiverem sempre com Jesus, nada de mal lhes poderá acontecer. E Jesus acrescenta que o mais importante não é expulsar demônios, mas sim ter o nome escrito no céu. Ter o nome escrito no céu é ter a certeza de ser conhecido e amado pelo Pai que está nos céus.
Nestes últimos seis domingos lemos, na Segunda Leitura, trechos da Carta de Paulo aos Gálatas. Nesta Carta, Paulo defende sua ação missionária, seu apostolado e seu evangelho. A Carta é um tratado da liberdade trazida por Jesus Cristo. Nenhum legalismo ou ritualismo pode abafar a ação libertadora de Deus trazida pelos gestos e palavras de Jesus. Nós, como Igreja, temos a obrigação de educar e ensinar os filhos e filhas de Deus para a fé e para a liberdade.
Francisco Orofino e Frei Carlos Mesters
Oração
Ó Deus, que pelahumilhação do vosso Filho reerguestes o mundo decaído, enchei os vossos filhos e filhas de santa alegria, e dai aos que libertastes da escravidão do pecado o gozo das alegrias eternas. Por nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho, na unidade do Espírito Santo.
— Amém.
Fonte - https://www.a12.com/reze-no-santuario/deus-conosco

Nenhum comentário:

Postar um comentário