Centenário da Arquidiocese de Maceió

terça-feira, 23 de abril de 2019

Experimentemos a presença do Ressuscitado no meio de nós

“Então Maria Madalena foi anunciar aos discípulos: ‘Eu vi o Senhor!’, e contou o que Jesus lhe tinha dito” (João 20,18).
Maria chorava muito, porque Jesus era o Senhor da sua vida, Ele transformou a sua vida, Ele deu sentido para sua existência. Quando O mataram na cruz, levaram também a vida de Maria, porque a vida dela era o Senhor, por isso ela ia ao túmulo para cuidar do corpo d’Ele, pois no corpo d’Ele estava a razão de ela viver.
Quando ela chega ao túmulo e não O encontra, leva um susto! Os anjos perguntam: “Mulher, por que choras?”. Maria estava tão atônita, que imaginou que fosse o jardineiro: “Foste tu que levastes o meu Senhor? Diga-me onde O colocaste, para que eu possa buscá-Lo”. É o amor, a delicadeza e a ternura de um coração que foi transformado pela presença do Senhor.
Quando ela, de fato, viu que não era o jardineiro, mas era Jesus, imagine a alegria do coração dela! Imagine quanto o coração dela se envolveu de amor, o quanto o coração dela explodiu de emoção! Quando Jesus disse: “Não me retenhas, porque a hora de subir ainda não chegou, Maria, mas é preciso anunciar, dizer aos outros que eu estou vivo, é preciso anunciar aos corações que se dirijam à Galileia, para que eles também experimentem o Ressuscitado”.
Aquela que viu o Senhor é a mesma que vai anunciá-Lo para os outros. Precisamos ver o Senhor vivo e ressuscitado em tantos sinais da nossa vida. Ele está vivo na Eucaristia e na Palavra, Ele está vivo quando nos amamos, Ele está vivo no nosso processo de conversão e transformação. O Senhor está vivo em todas as famílias que são renovadas pelo Seu amor, pelos jovens que deixam os vícios e os males deste mundo para segui-Lo.
Precisamos ver o Senhor vivo e ressuscitado em tantos sinais da nossa vida
Em cada situação, experimentamos a presença do Ressuscitado no meio de nós. Então, não basta O contemplarmos, não basta O vermos agindo, é preciso anunciar, é preciso proclamar aquilo que estamos vendo e testemunhando.
O mundo precisa saber que Jesus está vivo com todas as provas e evidências confirmadas de experiências que fazemos com Ele. Precisamos proclamar em alto e bom tom que Ele está vivo, porque as pessoas estão morrendo, porque o mundo está matando muitas pessoas e elas estão perdendo a esperança e o sentido de viver. Não podemos deixar isso acontecer, precisamos levar Aquele que dá a vida e dá sentido a ela.
Aquele que transformou Madalena, aquele que se transformou no Mestre dela, Ele é o nosso Mestre, é a razão da nossa vida. Se, por algum motivo, nossa vida está sem razão de viver, encontremo-nos com o Ressuscitado, Ele há de nos dar todas as razões para vivermos e levarmos a vida aos outros.
Deus abençoe você!
Padre Roger Araújo
Sacerdote da Comunidade Canção Nova, jornalista e colaborador do Portal Canção Nova. Contato: padrerogercn@gmail.com – Facebook

Nenhum comentário:

Postar um comentário